Produção rápida de roscas internas

Com modernas ferramentas e o software de comando numérico correto, as roscas internas podem ser produzidas tanto com ou sem cavacos. Especialistas diferenciam entre o rosqueamento convencional, rosqueamento de laminação (laminação da rosca) e fresamento de rosca. Saiba o que é melhor…e quando.

Durante o rosqueamento as roscas são usinadas em furos pré-furados por machos em operações manuais ou em máquinas. Este procedimento é usado em praticamente todas as áreas de aplicação e materiais. Machos de laminação são usados na produção sem cavacos de roscas padronizadas. Ao contrário do rosqueamento, a rosca não é produzida pela usinagem do material, mas pelo processo de conformação a frio. O material é pressionado contra o perfil exigido sem interromper a orientação das fibras no material da peça roscada. Com o desenvolvimento das máquinas-ferramenta assistidas por computador, também introduziu-se o processo de fresamento de roscas. A rosca é fresada em um furo através da interpolação do movimento circular e o movimento de penetração da fresa.


O método "clássico": rosqueamento (com macho)

No processo de rosqueamento o material é removido passo a passo em uma operação contínua de usinagem. O rosqueamento alcança seus limites em materiais de dureza igual ou superior a 60 HRC e em roscas profundas, quando surgem problemas dimensionais por causa da quebra de ferramenta ou pela remoção insuficiente dos cavacos.

Sem cavacos: rosqueamento por conformação a frio

O rosqueamento por conformação a frio é usado para materiais com uma resistência inferior a 1200 N/mm2 e um alongamento de ruptura de mais de 8 por cento. No processo sem cavacos, a rosca é produzida por um processo de conformação passo a passo em que, graças à conformação a frio, se alcança altos índices de resistência estática e dinâmica combinados com uma qualidade superficial muito boa. As desvantagens do rosqueamento por conformação a freio são os altos torques quando comparado ao rosqueamento convencional e a necessidade do uso de lubrificantes de alta qualidade

Produtivo e preciso: fresamento de rosca

O fresamento de rosca é apropriado para a maioria dos materiais e oferece a maior flexibilidade e produtividade de todos os procedimentos. Os flancos são usinados de maneira limpa e não há cortes falsos no sentido axial. Para materiais de difícil usinagem, o fresamento de rosca é o melhor método indicado – e não apenas porque é mais fácil remover uma ferramenta quebrada. Entretanto, existem restrições em relação à profundidade da rosca, que normalmente não pode ser mais do que três vezes o diâmetro da rosca. Qualquer que seja o método aplicado, uma coisa é certa: com os ciclos de rosqueamento do ShopTurn e ShopMill a programação é muito mais fácil.

01-07-2013 | Autor: Nome