Tools

Drive TechnologiesDrive Technologies

Site ExplorerSite Explorer
Close site explorer

Motores ABNT - carcaca até 315L Motores ABNT - carcaca até 315L

Qualidade garantida

Líder mundial na fabricação de motores elétricos industriais, a Siemens disponibiliza para seus clientes toda sua tecnologia e qualidade.

Certificado pelos mais exigentes órgãos normativos internacionais e reconhecido como de altíssima qualidade e durabilidade, o motor Siemens conta com garantia de fabricação, suporte técnico e atendimento em mais de 190 países.

A Siemens disponibiliza todo o suporte necessário a seus clientes, seja onde estiverem, através de uma ampla organização de vendas e uma rede de assistência técnica altamente qualificada.

Maior economia de energia

Os motores elétricos são responsáveis por cerca de 50% da energia consumida pela indústria e cerca de 40% do consumo elétrico global, sendo, portanto, alvo em qualquer ação de racionalização de consumo de energia.Adicionalmente, pesquisas apontam que o custo gerado pelo consumo de energia elétrica é correspondente à cerca de 97% dos custos totais durante o ciclo de vida de um motor elétrico, cabendo aos custos de aquisição,  instalação e manutenção direta somente 3% dos custos totais de um motor. Alinhados a esses objetivos, os motores elétricos Siemens foram projetados para oferecer melhor efi ciência energética a plena carga, assim como  em cargas parciais (50% a 100%) e/ou em regimes de trabalho intermitentes, graças a:

  • Maior quantidade de cobre nos enrolamentos;

  • Chapas de aço de alta qualidade e com grãos orientados, utilizadas na fabricação do estator e rotor;

  • Menor entreferro devido ao projeto avançado e à produção totalmente automatizada dos pacotes de estator e rotor;

  • Mancais e rolamentos desenhados para reduzir perdas por atrito;

  • Ventoinha desenvolvida para oferecer máximo fl uxo de ar com mínimas perdas.

Tudo isso permite garantir contínua economia de energia elétrica e conseqüentemente menores custos de operação durante toda a vida útil do motor.

Menor custo de manutenção

Outro importante custo a ser considerado é o relativo aos tempos de parada de produção para execução de serviços de manutenção em motores elétricos. Quanto mais freqüentemente um motor exigir manutenção, maiores são as perdas de produção durante a sua vida útil.

Maior durabilidade

O know-how da Siemens em projetos mecânicos de motores permite aumentar a vida útil dos rolamentos devido aos processos construtivos e de montagens, que garantem uma isolação perfeita entre a lubrificação dos rolamentos e o ambiente externo, e que anulam os esforços axiais no mancal dianteiro pelo travamento do rolamento traseiro.

Nos laboratórios da Siemens, com temperatura controlada em 40ºC, ensaios registraram que as temperaturas dentro dos rolamentos de todos os motores Siemens não ultrapassam 70ºC.

O lubrificante utilizado nos rolamentos é a graxa UNIREX da ESSO, que tem ponto de gota a 290ºC e a capacidade de trabalho para temperaturas até 185ºC, compatível com os rolamentos de primeira linha utilizados pela Siemens, cujo aço tem revestimento para suportar até 170ºC.

Normas

Os motores são fabricados e projetados conforme as normas ABNT e em correspondência com as normas IEC. Atendem ou ultrapassam os valores mínimos de rendimento e fator de potência definidos no Decreto-Lei n. 4508 de 11 de Dezembro de 2002.

Dados Nominais

Os dados nominais publicados nas tabelas são para operação em regime contínuo S1, partida direta na rede, elevação de temperatura classe B, temperatura ambiente de até 40ºC e altitude máxima de instalação de 1000 m.

Tolerâncias

Os motores Siemens são projetados para operação em Zona A (em regime permanente), com variação de tensão de +/- 5% e freqüência de +/- 2%, e em Zona B (em regime intermitente), com variação de tensão de +/- 10% e  freqüência de +3% e -5%, conforme prevê o item 4.3.3 da norma ABNT NBR 17094-1.

Os motores Siemens são fornecidos, na versão padrão, com 12 pontas livres para ligação nas tensões 220/380/440V 60Hz, para os motores das carcaças 63 a 315.

02/01/2011 | Author: Name